Bem-vindo! Domingo, 20/08/2017.
Agora na TV / / + programas
Busca
Tempo em SC

Variedades

COLUNISTAS

Ver todos
28/06/2017

Variedades

MasterChef chega a 8 pontos e alcança a liderança

MasterChef chega a 8 pontos e alcança a liderança Foto: Divulgação
Por REDAÇÃO

 
O episódio desta terça-feira (27) do MasterChef registrou pico de 8 pontos de audiência. O talent show marcou 7 pontos de média e share de 13%. A Band conquistou o terceiro lugar no horário (22h44 à 1h08) e ainda alcançou a liderança por 21 minutos e a vice-liderança por 33 minutos.


No programa de ontem, os cozinheiros enfrentaram mais uma prova em equipe. Eles tiveram duas horas para pescar a maior quantidade de peixes e precisaram preparar um prato principal para 50 convidados especialistas em pescaria. O grupo vermelho, liderado por Vitor B., conquistou mais votos e escapou da prova de eliminação.


Na primeira etapa da prova final, Aderlize, Fabrizio, Leonardo, Mirian, Valter e Victor V. tiveram de executar, em 25 minutos, um receita de pain perdu com creme inglês. Fabrizio, Mirian e Victor V. foram os melhores. Aderlize, Leonardo e Valter seguiram para a segunda e última etapa da prova: produzir, em 45 minutos, uma tarte aux fruits, uma deliciosa torta de frutas. Leonardo venceu o desafio, mas a sobremesa de Aderlize não agradou o paladar dos jurados e ela foi eliminada.
Em entrevista ao Portal da Band, a gaúcha ficou irritada com o apoio dos colegas do mezanino para Valter e Leonardo. “Fui eliminada porque hoje não foi um jogo honesto. Eu sempre pensei que o fato de eu saber confeitaria pudesse ser um ponto a mais em relação aos outros, mas eu vi que não, o mezanino ajudou, só não desceu para fazer a receita, disse cada passo a passo de como se faria. Isso é desonesto, não foi legal. Eu muitas vezes estive no mezanino, são 17 episódios, só dois deles eu fui para a eliminação, ou seja, eu passei muito tempo no mezanino. Eu nunca falei: ‘Faz assim, agora faz isso, agora finaliza, agora faz não sei o quê... porque eu não acho legal com os outros competidores”, reclamou.


“Me prejudicou, me prejudicou absurdamente, eu tenho certeza que não teria sido eliminada se não tivesse acontecido isso, mas é normal que os competidores queiram eliminar quem eles consideram mais fortes”, continuou.
A empresária ainda contou que não faria mudanças se tivesse uma nova oportunidade: “Acho que sou uma boa cozinheira, fiz tudo de acordo com o que aprendi nos livros, com o que aprendi com a minha experiência de cozinha, minha vivência, que são mais de 10 anos. De manhã, de tarde, de noite, faço todas as minhas refeições, não teria feito nada diferente”.


Fora da competição, Aderlize escolheu alguém que acredita ter os mesmo valores que os seus para torcer. “A única pessoa que vejo que tem essa mesma coisa da cozinha no sangue, na alma, que de fato vai fazer alguma coisa se ganhar o Masterchef é o Leonardo, torço para ele, é o único. As outras pessoas eu não sinto isso, podem trabalhar na área e tudo mais, mas ninguém tem essa coisa que a cozinha tá no sangue mesmo”, contou.
Antes do programa, ela dividia o seu tempo entre administrar a própria marca de joias contemporâneas e sua paixão pela cozinha. Porém, os meses na cozinha mais famosa do Brasil permitiram dedicação exclusiva. “A parte mais legal é que eu fiz só isso, pude estudar, testar vários pratos que eu queria fazer há muito tempo, foi maravilhoso”, analisou.
E como será a vida de Aderlize daqui para frente? A cozinheira afirmou que ainda espera ver a repercussão da sua participação. “Para migrar totalmente para a gastronomia, precisava ter ganhado esse prêmio, não sou herdeira, não venho de uma família que tenha posses, tenho que trabalhar e me sustentar. Seria importantíssimo ter ganhado o prêmio para poder viver de gastronomia”, afirmou.

Próximo episódio


Na próxima terça-feira (4), os nove participantes que seguem na competição se dividem em três trios. Eles terão de preparar duas entradas e um prato principal em apenas uma hora. Na prova de eliminação, o desafio será replicar uma receita de difícil execução da chef Paola Carosella: Nero di seppia com lagostins frescos.

O MasterChef Brasil, formato da Endemol Shine Group, é uma co-produção da Band com o Discovery Home & Health. O programa vai ao ar todas as terças-feiras, às 22h30, na tela da Band (com transmissão simultânea no aplicativo da emissora para smartphones). A atração também é exibida às sextas-feiras, às 19h20, no Discovery Home & Health, com reapresentação aos domingos às 21h45.

Saiba mais sobre o programa em www.band.com.br/MasterChef e curta nossa página no Facebook www.facebook.com/bandtv. Siga também nosso Twitter (@bandtv) e Instagram (@band).

Cozinheiros aguardam a decisão dos jurados








Últimas Notícias

Variedades

Oficinas de fotografia da Fundação Catarinense de Cultura têm inscrições abertas

Variedades

CIC 8:30 apresenta Grande Encontro de Blues

Variedades

Em Chapecó o avô construiu uma montanha russa no quintal